quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Santo Daime

Boa noite!

Hoje vou falar sobre um tema bastante polêmico: a ayahuasca, substância enteógena (ou droga psicodélica como preferem os psiquiatras)conhecida por seus efeitos ritualísticos.



Antes de tudo, uma introdução sobre o que é o santo daime é útil. Essa doutrina, surgida na amazônia em meados do século XX, diz ser uma seita espiritual cristã que se baseia na busca do perdão, do auto-conhecimento e da regeneração do indivíduo.

Essa busca é alcançada por meio da ingestão do chá de santo-daime (chá de ayahuasca), que leva a pessoa a um estado de transe revelador. Segundo os devotos, esse transe é o que leva ao estado de auto-conhecimento, permitindo assim que a pessoa possa tentar corrigir seus defeitos para chegar a um estado de perfeição divina.

O santo daime teve início com o descendente de escravos Raimundo Irineu Serra, que após ter contato com o chá de ayahuasca declarou ter tido visões marianas, em que um ser espiritual declara ter lhe dado a missão do santo daime.

Diversos centros do santo daime estão espalhados pelo Brasil, a maioria seguindo a doutrina de Irineu Serra.


-foto do mestre Irineu Serra-

Algumas vertentes se diferenciam da original por terem acrescentado algumas crenças da umbanda e do espiritismo à doutrina. Em janeiro de 2010, houve uma renovação na legislação brasileira, que legalizou o chá de santo-daime com fins religiosos.

As propriedades psicoativas da ayahuasca provem da riqueza em sua composição, química dos seguintes compostos: o DMT e as beta-carbolinas.

O DMT (dimetiltriptamina) é um potente alucinógeno, tendo ação agonista aos receptores de serotonina. Entretanto, quando há ingestão via oral, o DMT é inativado pela enzima MAO (monoaminaoxidase).

Contudo, as beta-carbolinas contidas no Ayahuasca são potentes inibidoras da MAO, fazendo com que haja alta na atividade do DMT. Além disso as beta-carbolinas aumentam os níveis de serotonina, dopamina, norepinefrina e epinefrina no cérebro.

A beta-carbolina atua como inibidor da recaptação do receptor de serotonina e inibidora da MAO. Portanto, a beta-carbolina prolonga a vida do DMT por bloquear sua recaptação. Por outro lado, a beta-carbolina pode bloquear a recaptação neural da serotonina, resultando em altos níveis desse neurotransmissor na fenda sináptica.

As beta-carbolinas e o DMT associados no chá tem, então, sua ação alucinógena amplificada pela atuação conjunta.



Os efeitos da ayahuasca são delírios, visões de sonhos, sensação de vigilância e estimulação. Os chamados "estados alterados de consciência" provocados pelo chá podem ser considerados como alterações da percepção, cognição, volição e afetividade.

O aumento excessivo dos níveis de serotonina pode resultar em uma euforia inicial. Por provocar essa alta, a ação do santo-daime é muitas vezes comparada a dos anti-depressivos.

Entretanto, por atuar nos receptores de serotonina, pode ser que se desenvolva uma resistência ao DMT, sendo preciso cada vez mais doses do chá para que haja o efeito.

Sem entrar no mérito de ser válido ou não o uso do chá de santo-daime (afinal o intuito desse blog não é discutir atropologia), vale a recomendação de que essa bebida não seja tomada por portadores de distúrbios psiquiátricos.

Portadores de doenças como a esquizofrenia já tem níveis naturalmente altos de serotonina e dopamina. Com a utilização da ayahuasca pode haver amplificação das alucinações e além disso a pessoa pode entrar em um estado de transe permanente, se tornando incapaz de distinguir realidade de fantasia.

O uso de santo-daime por doentes mentais já teve consequências desastrosas, como o assasinato do cartunista Glauco e de seu filho. Ambos eram frequentadores de uma seita de santo-daime, e foram assasinados por outro membro de sua mesma congregração, sendo este portador de distúrbios psíquicos. (leia aqui sobre o caso).

Espero ter esclarecido um pouco sobre esse tema exótico, onde muitas vezes não se sabe os limites entre fé e ciência.

Até a próxima!
Maria Eduarda- MED 91


Bibliografia:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-60832005000600001
http://pt.wikipedia.org/wiki/Santo_Daime

7 comentários:

  1. Ótimo os seus posts
    Sou fã do seu blog
    Espero que possa continuar contribuindo com todos

    Bom fds
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. bem mal informado o texto... na verdade a ayahuasca não necessita de doses crescentes, sei disso porque conheço muitas pessoas que fazem uso há anos e nunca precisaram aumentar a dose ou a frequencia...
    No mais, a questão da morte do Glauco é bem mais complexa, não havendo motivo nenhum pra associar ao chá, já que o assassino usava outros tipos de drogas e já tinha disturbios bem antes de conhecer o chá
    se informe melhor antes de escrever qualquer lixo desses

    ResponderExcluir
  3. bem mal informado o texto... na verdade a ayahuasca não necessita de doses crescentes, sei disso porque conheço muitas pessoas que fazem uso há anos e nunca precisaram aumentar a dose ou a frequencia...
    No mais, a questão da morte do Glauco é bem mais complexa, não havendo motivo nenhum pra associar ao chá, já que o assassino usava outros tipos de drogas e já tinha disturbios bem antes de conhecer o chá
    se informe melhor antes de escrever qualquer lixo desses

    ResponderExcluir
  4. O aumento excessivo dos níveis de serotonina pode resultar em uma euforia inicial. Por provocar essa alta, a ação do santo-daime é muitas vezes comparada a dos anti-depressivos.

    Entretanto, por atuar nos receptores de serotonina, pode ser que se desenvolva uma resistência ao DMT, sendo preciso cada vez mais doses do chá para que haja o efeito."

    - Respeitosamente, de acordo com o meu modo de ver, particularmente não descarto a hipótese acima, só que como não é possível aumentar a dosagem devido o amargor e o desconforto das altas doses, por onde pude observar - pois já usei com freqüência-, existem muitos usuários que havendo possibilidade beberiam doses todos os dias para manter um efeito acentuado da DMT em si. Inclusive, alguns em alguns grupos que usam com seriedade o chá da ayahuasca - ou Oasca - não recomendam o uso freqüente. Dizem: “O efeito perdura, embora de forma mais suave por um longo período, em torno de quinze dias, e usá-lo sem critérios, sem propósitos nobres, simplesmente em busca de bem estar físico e psicológico é algo temerário, sim.”
    - Afinal, até água em excesso não faz bem. Vale lembrar que existem muitos agrupamentos. - ouvi dizer que existem, mais de uma centena de denominações - de cunho religioso que distribuem o composto químico extraído das plantas amazônicas, a moda da casa, inclusive há quem comercializa o chá a quem queira adquiri-lo. Portanto todo o cuidado é pouco, pois nem tudo que brilha é ouro. O fanatismo religioso é uma praga, e imaginem um fanático usando desordenadamente o chá o que poderá acontecer?... Estudar, analisar os efeitos a curto e longo prazo na vida e na saúde das pessoas é algo necessário e saudável, toda a crença desmedida que não se aliar ao embasamento científico certamente, desmoronará com o tempo.

    ResponderExcluir
  5. boa tarde a todos e todas, parabenizo a todos que iniciaram este diálogo e especialmente a sua maneira de escrever senhor Paulo César!

    Glebston Rocha.
    terapiadostresfluxosdaenergiahumana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. boa tarde a todos e todas, parabenizo a todos que iniciaram este diálogo e especialmente a sua maneira de escrever senhor Paulo César!

    Glebston Rocha.
    terapiadostresfluxosdaenergiahumana.blogspot.com

    ResponderExcluir